sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

Suflê de qualquer coisa


Ontem de tarde Marília me ligou, dizendo que estava com uma vontade louca de comer alguma coisa gostosa... Minha irmã é totalmente suspeita, porque toda vez que diz "algo gostoso", ela facilita bastante meu trabalho e diz exatamente o que quer: no caso, um suflê.
Ainda ao telefone, ela me contou que havia comprado um super vinho... Daí me empolguei! Mas suflê de que? Saí fuçando, nos armários da cozinha, algum ingrediente para o tal suflê e encontrei milho, ervilhas e presunto (se fosse macarrão, seria o "parisiense". Sem milho.). Batizei o tal de "qualquer coisa", porque essa é uma característica bem bacana dos suflês - você pode fazer do que quiser, basta vontade e um bocadinho de tempo.

Vamos lá?

Você vai precisar de 3 ovos, 1/2 litro de leite, 2 colheres de farinha de trigo, manteiga e o ingrediente principal (no meu caso o milho, o presunto e as ervilhas). Derreta em uma panela (antiaderente) duas colheres de manteiga e doure a farinho de trigo (não deixe queimar!) e acrecente o leite, mexendo sempre, para não empelotar. Acrescente só as gemas e continue mexendo. Retire do fogo e adicione o milho, as ervilhas e o presunto picadinho. Deixe amornar. Para dar um pouco mais de sabor (e como tava dando bobeira na minha geladeira), acrecente ao creme meio copo de requeijão. Separadamente bata as claras em neve e junte à base/creme, mexendo delicadamente que é para aerar. Você pode servir em ramekins individuais ou em um grande.

Leve ao forno por meia hora. Sirva (e coma quente).

2 comentários:

Fabienne disse...

Oi Loren, testei tua receita de suflê a "qualquer coisa"...o meu foi champignon, peito de peru defumado, ervilhas, cebola picada e azeitonas...uma delicia, bem leve.

Lorena disse...

Ai Fabienne, que bom que vc testou!!! (e gostou). Terás de trazer umas receitinhas de Paris para mim...